Imagem

7 dicas para  de autocuidado durante a quarentena

A rotina de isolamento social causada pela pandemia tem gerado muito estresse e ansiedade. É como se todos estivéssemos passando um campo minado sem qualquer garantia de que vamos chegar inteiros do outro lado.

O fato é que estamos todos atravessando esse campo, juntos.  A única coisa que está em nossas mãos é forma como vamos fazer esse percurso e atravessar para o outro lado.

Apesar de ser muito mais difícil, é possível melhorar o bem estar e manter uma rotina de autocuidado. Seguindo as orientações abaixo, será mais fácil passar por esse momento com mais leveza.

1- Mantenha uma regularidade nos horários: 
 
Acorde e durma no mesmo horário, mantenha constância nos horários das refeições.
Com uma rotina definida, você gasta menos esforço para as atividades. Como o tempo, você entra no piloto automático.


2- Faça pausas periódicas: 

 Pare por 5 minutos a cada hora, por exemplo. Faça respirações profundas nesses 5 minutos, concentrando-se apenas na sua respiração. Esse momento é seu, aproveite para desacelerar seu coração e sua mente.

3- Cuide da sua aparência: 

Tome seu banho, vista uma roupa bonita, arrume seu cabelo, faça a barba. Vista roupas que te deixem mais atraente, que façam você se sentir bem ao se olhar no espelho.
Isso aumenta sua auto-estima, seu humor e sua motivação para cuidar de você. Tem coisa pior do que vestir aquela roupa que fica justamente ressaltando o que você não gosta em você?

4- Deixe sua casa limpa: 

Como você vai ficar muito tempo em casa, é fundamental que sua casa te traga a sensação de bem estar.
Limpeza é importante para manter a sua saúde, principalmente nesses tempos de pandemia e também para deixar o lugar onde você está agradável. Tem coisa melhor do que nossa casa com aquele cheirinho de limpeza no ambiente? Um ambiente sujo te estressa, irrita, dá nojo, cansaço, etc.

5- Mantenha a organização: 

Um ambiente organizado te dá tranqüilidade. Você está ficando muito tempo em casa e se tudo estiver bagunçado você vai sentir irritação, ansiedade e perder tempo procurando as coisas.

6- Cuide da alimentação: 

Foque a atenção ao seu corpo, e coma quando sentir fome. Como você está se movimentando menos, seu corpo vai precisar de menos comida. Por outro lado, o confinamento pode aumentar a ansiedade e estimular o comer compulsivo. Quando sentir vontade de comer, pare por 5 minutos e faça respirações profundas. Reflita: “Eu estou mesmo com fome fisiológica?”, “Do que estou realmente precisando agora?” “Será que pensei em comer para aliviar um vazio emocional?” “Há outra forma de preencher esse vazio emocional?”.

Eu, por exemplo, costumo tomar um chá quando quero alguma distração, um acalento, um momento para me tranquilizar. 
 
7- Compre alimentos saudáveis: 

Faça uma lista de compras, dando preferência para os alimentos que duram mais, menos perecíveis, já que você não vai poder sair toda hora pra comprar. Evite comprar snacks, doces, chocolates, coisas muito calóricas.
Se você comprar muitos alimentos processados, você vai comer mais, prejudicar sua saúde, pior, se arrepender depois e se sentir péssima com você mesma. É importante que você sinta que está fazendo bem pra você, para seu corpo.

Convido você também a me seguir nas minhas redes sociais onde eu sempre disponibilizo conteúdo informativo sobre emagrecimento e o impacto do estado emocional nos hábitos alimentares. 

Lá você vai encontrar muitas dicas para melhorar seus hábitos e reduzir a ansiedade.